Saiba como funciona o vídeo 360

O vídeo 360 está se tornando uma tendência depois que as principais redes sociais e diversas plataformas da internet permitiram o uso deste tipo de vídeo. Com isso, essa nova tecnologia ganhou força e se tornou uma forma excelente de contar uma historia imersiva com grande engajamento do público-alvo.

Muitos sites de comunicação como o The Guardian, The New York Times, já estão investindo nesta nova tendência de vídeo. E o que as empresas podem fazer neste momento é tirar proveito dele para atrair novos clientes.

O que é um vídeo 360 graus

Os vídeos 360 são uma nova tendência do mercado audiovisual, eles permitem que o usuário tenha uma experiência mais realista, com total dimensão do ambiente e tudo que estar ao seu redor.

Isso significa que no vídeo 360 o espectador pode observar e interagir com algum ponto e ângulo da filmagem e pode olhar girando ao redor dela. Essa nova tendência de vídeo coloca o usuário no centro da gravação e exibe muito mais em menos tempo de vídeo.

Qualquer pessoa pode acessar facilmente utilizando um computador, tablet ou smartphone. Nos aparelhos móveis basta apenas movimentar o dispositivo para observar a direção desejada.  Já no computador, a tela precisa ser arrastada com o mouse ou com as setas do teclado. Mas o usuário também pode utilizar óculos de realidade virtual para ter uma imagem mais impactante.

Como é produzido um vídeo 360 graus

O vídeo 360 graus é produzido com uma câmera especial que faz a captura das imagens em todas as direções. No entanto, é preciso ter técnica para controlar bem as imagens sem aparecer na gravação.

O resultado desta gravação é um vídeo no qual todas as imagens do ambiente aparecem em um único plano. Depois disso, é preciso montar as cenas utilizando um software de edição próprio para este tipo de vídeo.

A finalização desta produção junta os trabalhos de sonorização e inserções de gráficos e legendas, que também fazem parte do efeito 360 do vídeo.

Essa nova tendência é um avanço do vídeo unidirecional que nos já conhecemos, porém com suas características e o simples  formato, ele se tornou um grande aliado nas estratégias de marketing digital.

Qual a diferença entre vídeo 360 e realidade virtual

A diferença entre os dois é que no vídeo 360 o usuário pode observar as cenas utilizando apenas o celular, computador ou tablet. Mas na realidade virtual o usuário precisa utilizar óculos ou dispositivos específicos para ter uma imagem mais intensa.

Através desses aparelhos, a visão do usuário é sobreposta por um visor que consegue enganar os seus sentidos, criando a imagem 360 da realidade virtual.

De forma geral, as aplicações da realidade virtual, por exemplo, games e simulações fazem a combinação da ilusão de animação 3D com mudanças de imagens que são feitas de acordo com a movimentação do usuário.

Dessa forma o que acontece dentro da realidade virtual faz com que as imagens no mundo virtual pareçam reais. No entanto, o usuário também pode observar os vídeos do tipo 360 com imersão com ajuda de um óculos especial como o Google Carboard e entre outros.

Os vídeos atualmente são conteúdos que conseguem reter melhor a atenção do público-alvo, além de passar a mensagem de forma compreensível, por isso que as empresas estão adotando o conteúdo audiovisual nas suas estratégias de marketing digital. E agora com ajuda desta nova tendência elas podem atrair mais clientes para seus os produtos.