No final de julho deste ano, a Toyota realizou o anúncio informando que os testes oficiais do modelo que funciona através da energia solar foram concluídos. O novo Prius teve seus testes realizados em Tóquio para que fosse avaliada a sua eficiência em relação ao combustível utilizado neste modelo, o qual possui painéis solares altamente eficazes.

A Toyota contou com parceiros como a Sharp Corporation e a NEDO (agência do governo que tem como objetivo a promoção de ações sustentáveis e pesquisas que contribuam para a tecnologia ambiental e uso da energia renovável) para realização dos testes em seu novo modelo de carro que funciona com energia solar.

O uso de energia solar em veículos proporciona diversas vantagens para o meio ambiente, inclusive, o modelo Prius da Toyota, ainda é superalimentado para que forneça aos seus consumidores a gama molhada. 

A Volvo realizou um estudo no qual cerca de 60% dos motoristas de carros elétricos passaram pela experiência da “ansiedade do alcance” após comprarem o EV, o que tornou um dos principais motivos para hesitar em comprar carros elétricos. No entanto, essa ansiedade é totalmente compreensível, pois caso fiquemos sem energia em um lugar remoto e não tiver uma estação que possa recarregá-lo por perto, o que devemos fazer?

A resposta é que os veículos movidos por energia solar diminui essas preocupações, uma vez que o modelo Prius da Toyota cobra energia enquanto está estacionado e também em sua condução. 

Os testes foram avaliados mencionando o número de vezes em que é preciso cobrar, além disso, a constatou a emissão de gases poluentes como o carbono, compartilhou os resultados com a NEDO e Sharp, mas o grupo ainda está trabalhando para que a sustentabilidade no transporte evolua e tenha mais melhoras.