Últimas dos Bastidores
23 July 2014
finalistas bbb 13

Fernanda sobre relacionamento com André: ‘A gente está junto, não tem jeito’

A 13ª edição do Big Brother Brasilchegou ao fim e, agora, tem mais um milionário na praça. Fernandavenceu o programa com 62,79% dos votos e, além do dinheiro, levou uma grande paixão: o brother André. JáNasser e Andressa, segundo e terceiro lugares respectivamente, não garantem namoro com o fim do programa. Confira mais sobre as emoções dos finalistas!

Fernanda

“Achava o Nasser e a Andressa duas pessoas muito fortes dentro da casa. Quando fui ao Paredão com a Natália, achava que ali estávamos decidindo o terceiro lugar, por isso comemorei tanto. Em momento nenhum eu acreditei que venceria.

Os veteranos me intimidaram bastante, quando entraram aquelas mulheres maravilhosas, os campeões, destaques de outras edições… Me assustei bastante, era uma coisa que eu não esperava lá dentro. Eu fui eu mesma, autenticidade sempre, acho que foi o que me fez ganhar.

O prêmio é inteiramente para minha família, eu queria ter um lugar meu, mas não sei se vai ser viável, nem onde vou morar. Vou aproveitar todas as oportunidades e trabalhar duro, é o nosso momento de aproveitar, não posso deixar passar de maneira nenhuma.

Não posso deixar meu príncipe de lado nunca. Ele saiu antes, então, teve uma visão que eu não tive. É uma pessoa que está colocando os meus pés no chão e acompanhando tudo o que aconteceu. Nós já conversamos bastante, ele está muito do meu lado, companheiro, muito romântico, carinhoso e a gente está junto, não tem jeito, não tem como, é o coração”.

Nasser

“Tudo o que achei que fosse acontecer no jogo, aconteceu de outra maneira. Meus paradigmas foram quebrados. A gente não está preparado para as provas e se impressiona com a gente mesmo. É um tapa na cara, tive que aprender na marra. Entrei com a cabeça vazia, só pensei que seria um jogador, da minha maneira, mas um jogador.

A gente tem o dinheiro para investir, apesar de não ter ganhado o R$1,5 milhão, sei que ganhamos muita coisa, prestígio aqui fora… Então, temos que usar da sabedoria para investir, tem que correr atrás agora.

Eu e Andressa, acima de tudo, fomos muito amigos dentro da casa, a gente se deu muito apoio. Ela me ajudou em muitos momentos e eu tentei ajudá-la ao máximo. A gente tem muito para conversar, nem conseguimos parar para falar sobre nós. Vai rolar uma amizade com certeza, a gente teve um laço que não tem igual”.

Andressa

“Dentro da casa, a gente vive cem anos em três meses. Então, não tem como entrar com uma cabeça e sair com a mesma. As experiências que vivemos lá foram inacreditáveis, acho que qualquer pessoa no mundo não viveria aqui fora. Sou formada em estética e sempre quis atuar na minha área e, saindo daqui, esse é o meu foco. Entrei lá pelo dinheiro, não pela fama.

Foi muito melhor do que eu pensava. Achava que era bom, mas vi que era melhor ainda. Coisas acontecendo a todo tempo, experiências, pessoas novas, tudo muito intenso e maior do que vemos aqui fora. Cada pessoa que saía era um pedaço meu que ia junto. Eram amizades muito fortes. Pequenas coisas viravam algo muito grande: eu e o Nasser, por exemplo, brigamos por uma bolacha.

Minha mãe e minha avó falaram que está tudo bem, mas tudo bem mesmo sobre o meu comportamento. Teve as bebedeiras e o edredom que elas brigaram um pouco. Mas o resto foi só alegria”.