Últimas dos Bastidores
27 August 2014
20131102-jm-em-familia-0402

EXCLUSIVO: Confira o resumo do primeiro capítulo da novela “Em Família”

O “Telemaníacos” se antecipa, como sempre, e traz – com exclusividade – um resumo do que você vai ver no primeiro capítulo da novela “Em Família”, que estreia em fevereiro na Globo.

Confira:

A novela começa com o batismo da recém-nascida Helena, em Goiás. Familiares e amigos participam da cerimônia que acaba com uma pequena confusão fora da igreja. Mesmo assim, o batizado é comemorado por todos.

Goiânia, Anos 80

Chica relembra o batizado de Helena enquanto se aprontam para a festa anual da cidade vizinha, Esperança. Por telefone, conversa com a irmã, Juliana que está no Rio de Janeiro e prestes a se casar com Fernando. Ela se demonstra insegura com o passo que vai dar.

Neidinha quase é atropelada e causa alvoroço com os rapazes da cidade, que apreciam suas belas curvas. Ramiro, marido de Chica, é um dos que dá em cima da moça.

Na festa da cidade estão Helena, Laerte, Virgílio, Felipe, Clara e Shirley estão no meio da multidão, entre banda e populares. Laerte pega Helena pelas mãos e saem correndo, como se fugissem dos demais.

Sozinhos, ao som da banda da cidade ao longe e num lugar qualquer de Esperança, Laerte e Helena fazem um pacto de amor eterno. Laerte fura seu dedo com um canivete e Helena faz o mesmo. Olhos nos olhos, o mundo congela e eles juram se amar para sempre.

Chica e Ramiro discutem por causa de Neidinha.

Prestes a começar o rodeio da cidade, uma bomba caseira explode causando pânico e gritaria entre os moradores. Nada grave. Brincadeira de criança. Para o desespero de Chica e Selma, das crianças protagonistas da nossa história. Helena, Laerte, Virgílio, Shirley, Clara e Felipe aproveitam o furdunço e saem dali, rindo, se divertindo com a bagunça que causaram e vão em direção a um lago, próximo dali.Camilla_131022 familia

No lago, as crianças se divertem e brincam. Helena, sabendo do ciúmes do primo Laerte, faz charme para Virgílio.

Na cidade, o rodeio começa, mas é Neidinha quem faz sucesso. Fogosa, se diverte com os olhares e comentários maliciosos dos homens da cidade.

Chica e Selma saem pelas redondezas em busca das crianças. Chegam até o lago. Espertas as crianças, ao ouvir os chamados de Chica, esconderam as roupas nos arbustos e submergem no lago. Na hora de sair, Helena fica sozinha na água e, num último mergulho, fica com a perna presa em algas. Se apavora. Shirley acompanha a cena em silêncio hipnotizada. Finge sair para chamar os meninos para salva-la, mas volta. Está fascinada com a visão do afogamento.

No rodeio, Chica sente um arrepio.

No lago, Shirley continua assistindo Helena se afogar, se debatendo. Num último grito por socorro conseguem chamar a atenção do meninos, que correm e entram na água para salva-la. Shirley se junta a eles, como se tivesse ido chama-los. Felipe e Clara choram. Helena parece estar morta. Virgílio faz respiração boca-a-boca e Larte o empurra, com ciúmes.

Chica e Ramiro ficam sabendo do ocorrido e correm para o pronto socorro.

Lá, os médicos tentam reanima-la, sem sucesso. Parece estar morta. Os médicos desistem. Chica invade a sala e se debruça sobre a menina. Chora copiosamente. Helena parece não estar mais ali.

É quando se ouve uma tosse. Vomita água. Surpreende a todos. Os médicos parecem não acreditar na cena. O médico afirma que ela estava morta, mas que ressuscitou.

Shirley dá em cima de Virgílio, que sofre por Helena. Esnobada, diz que Helena tem pena dele.

Recuperada, Helena e sua família retornam para Goiás.

Laerte visita Helena às escondidas.

Pequena passagem de tempo…

Juliana e Fernando se casam no Rio de Janeiro com uma cerimônia budista. Helena e Laerte ‘imitam’ os gestos dos noivos, como se estivessem casando também. Ele dá a moça uma medalhão com a imagem de uma Fênix, pássaro mitológico que morre e renasce. Ela guarda e diz que vai usa-lo apenas no dia de seu casamento com ele. Laerte diz que, por Helena, seria capaz até de matar. Ela sente um arrepio.

Na escola, enquanto Helena e Virgílio conversam, Laerte se envolve numa briga com outro estudante que olho as pernas de sua amada. Reprovando, ela discute com ele. Laerte segura Helena pelos braços e Virgílio intervêm, causando o ódio do amigo.

Ramiro e Chica  olham de longe a discussão, acreditando que quando crescerem, tudo aquilo vai passar… Helena e Laerte caem na piscina… passagem de tempo… saem da mesma piscina seis anos depois…